Portefolio Digital de Educação e Multimédia
Segunda-feira, 12 de Novembro de 2007
Ser professor...

“Ser professor é uma das mais difíceis profissões dos tempos modernos. Ser bom professor é uma característica só ao alcance de alguns. Desde logo porque depende de em primeiro lugar de qualidades humanas difíceis de manter persistentes ao longo da vida e muitas vezes contraditórias entre si. O bom professor tem que ser convicto mas tolerante, decidido mas flexível, condutor mas companheiro, sabedor mas humilde, confiante mas disponível, disciplinador mas amigo, expansivo mas intimista, preocupado mas alegre, justo mas diferenciador. O bom professor tem que ser a fusão dos opostos, tratar todos por igual mas de forma diferente.” (Lemos, Valter, V.; (2001). Prefácio. In Uma aventura Matemática na Internet;(pp 5,6).) “E se, em abstrato ser bom professor tem algo circunstancial, ser bom professor de matemática eleva a potência da dificuldade ” (idem).



publicado por telma-mat às 15:52
link do post | comentar | favorito

7 comentários:
De Prof. Maria João Gomes a 26 de Novembro de 2007 às 12:46
Gostei de ler o teu post mas importa começar a centrar ainda mais o blogue nas aprendizagens e reflexões no contexto da UC "educação e Multimédia".


De sotristezas a 26 de Setembro de 2008 às 21:43
Ser professor é passar todos os alunos, é isso QUE A MINISTRA QUER E JÀ ALTEROU AS REGRAS PARA QUE ISSO ASSSIM SEJA.

ATÉ VAIS SER AVALIADA PELA PASSAGEM DOS ALUNOS, UMA POUCA VERGONHA.

O OBJECTIVO DESTE SISTEMA DE ENSINO É CERTIFICAR E NÃO ENSINAR, PARA ISSO NÃO É PRECISO ESCOLAS.

ASSIM VAI A RUINA DESTE PAÍS.

AGORA OFERECEM COMPUTADORES QUE É PARA OS MIUDOS NÃO ESTUDAREM NADA PASSAM HORAS NA NET A VER PICS, MESSAGERS, YOUTUBE E ESTUDAR TÁ QUIETO, ...AH ESQUECIME DOS JOGOS, SANTA INCOMPETÊNCIA, IGNORÂNICA E A OUTRA PALAVRA NEM EXISTE.


De fxcvg a 5 de Abril de 2009 às 03:13
Tua agora não es professora, es uma que anda ali a passar os alunos, o que interessa é fazer uma fichas e passsa-los.
è isso que a incompetente minsitra da educação maria de Lurdes Rodrigues te obriga a fazer, se fizeres qualquer outra coisa, isto é ensinares e reprovares quem não aprendeu, tás lixada na tua carreira, vais ter uma má avaliação.

Situação de kaos que o país vai entrar, daqui a uns anos, porque vamos ver o resultado de sem educação o pais não vai ter futuro.


De Élia a 20 de Junho de 2009 às 14:31
Concordo plenamente.
Para lutar contra a maré, temos de ser superprofessores », no dia-a-dia. E é isso que a maioria dos professores é, sim senhor!
Se, pelo menos, tivéssemos a certeza de estar a trabalhar para um futuro melhor ... mas assim não há motivação, nem saúde que aguente.


De Anónimo a 15 de Maio de 2009 às 13:29
Ora, então os professores e os outros trabalhadores que têm que se deslocar das suas residências, para trabalhar a quilómetros de distância, deixando filhos, conjuge, pais com idade avançada... que paguem dos seus gordos, chorudos e imerecidos salários!!!!

Mas será possível que andemos todos numa de "zombies"????

Mas será possível que "essas coisas" voltem a ganhar eleições?

Chego a sentir nauseas só de pensar...

Pessoal, vamos lá a acordar!

Breve chegará a altura de escolher o que queremos para nós, para os nossos filhos e netos. Eu não quero isto, nem para mim nem para eles, nem para vós.



--------------------------------------------------------------------------------

Assunto: Despacho n.º 9810/2009: subsídio mensal de residência de € 941,25!

Despacho n.º 9810/2009
Considerando que, nos termos do disposto no Decreto -Lei n.º 331/88, de 27 de Setembro, pode ser atribuído um subsídio de residência aos titulares do cargo de director -geral e de outros expressamente equiparados, à data da nomeação no local onde se encontre sedeado o respectivo
organismo;
Considerando que o Prof. Doutor José Alexandre da Rocha Ventura Silva, presidente do Conselho Científico para a Avaliação de Professores, lugar expressamente equiparado a director -geral, tem a sua residência permanente em Aveiro:
Assim, nos termos do disposto no artigo 2.º do Decreto -Lei n.º 331/88, de 27 de Setembro, determina -se o seguinte:
1 — É atribuído ao presidente do Conselho Científico para a Avaliação
de Professores, Prof. Doutor José Alexandre da Rocha Ventura Silva, um
subsídio mensal de residência no montante de € 941,25, a suportar pelo orçamento da Secretaria -Geral do Ministério da Educação e actualizável nos termos da portaria de revisão anual das tabelas de ajudas de custo.
2 — O presente despacho produz efeitos desde 1 de Novembro de
2008.
12 de Fevereiro de 2009. — O Ministro de Estado e das Finanças, Fernando Teixeira dos Santos. — Pela Ministra da Educação, Jorge Miguel de Melo Viana Pedreira, Secretário de Estado Adjunto e da
Educação.
E os professores desterrados com família?


De LUZ a 11 de Julho de 2009 às 23:14
ATENÇÂO!!!!

Concurso de professores tem cunhas!!!!!

Porque é que acham que na primeira parte do concurso, não há notas, nem tempo de serviço á vista????


São para as filhas e as mulheres de alguns, eu já VI !!!

Vi alguem que já sabia onde ía ser colocada ANTECIPADAMENTE, FOI AÍ QUE SE FEZ LUZ !!!!

Os sindicatos devem investigar ! ! !


De RR a 17 de Março de 2010 às 22:50
Com o devido respeito, caso haja transparência) estou em crer que deveria fazer a exposição deste comentário!
Assunto: MANIFESTO DE INDIGNAÇÃO PERANTE O SUICIDIO DE UMA CRIANÇA DE 12 ANOS!

A escola; (D)os ASSASSINOS

Antes demais, o meu profundo pesar pela trágica morte desta criança.
Aos seus familiares e amigos, a minha solidariedade humana .

O que sairá destas linhas terá um cunho pragmático e pró-activo. Obviamente que deverá ser devidamente enquadrado no desconhecimento "in vivo" dos acontecimentos.
Desta feita, prefiro falar em termos genéricos e abstractos, tornando mais eficaz o enquadramento global, com olhos postos no futuro.
Antes de mais, não se percam os leitores atentos em tentar encontrar justificações para este fenómeno. Tal como com outros crimes inauditos (p.ex: a pedofilia), perdeu-se tanto em considerações etiológicas que a vitima continua a sê-lo e o criminoso é cada vez mais um "coitado de um doente".
Aqui, temos de encarar este problema de frente. O que leva os professores a terem medo de denunciar e agir? (talvez eles também prefiram que o alvo sejam outros...que não eles próprios).
Os alunos (marginais ou criminosos se preferirem) devem ser imediatamente identificados e sujeitos às medidas de coação necessárias para evitar eventuais prossecução de danos.
Os pais dos criminosos (assassinos se preferirem) devem ser imediatamente responsabilizados civil e criminalmente (aliás, como está previsto constitucionalmente). Caríssimos leitores, se não forem tomadas medidas firmes e com efeitos exemplares dissuasores DE NADA TERÁ VALIDO ESTA MORTE... que o sofrimento desta criança invada os nossos corações. Que a sua dor nos faça pensar. Que as nossas acções estejam ao nível da grandeza desta problemática.
Por ultimo, EXMOS SRS PROFESSORES, DENUNCIEM! NÃO SE ACOMODEM! "INUNDEM" AS INSTITUIÇOES COMPETENTES COM PEDIDOS DE AUXILIO.

Respeitosamente,


Comentar post

mais sobre mim
pesquisar
 
Junho 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30


posts recentes

Homeschooling: a nossa op...

Vantagens e Desvantagens ...

Homeschooling

Podcast: Um Maio cheio de...

edu 2.0

Oportunidades no Second L...

Second life

Jclic

encerro assim este meu bl...

Desafio

arquivos

Junho 2008

Maio 2008

Janeiro 2008

Novembro 2007

Setembro 2007

links
blogs SAPO
subscrever feeds